, , , ,

Conheça o Serviço de Patologias da Tireoide em Mulheres do Santa Joana

Desde junho de 2018, o Centro de Diagnóstico do Hospital e Maternidade Santa Joana (SP) conta com uma unidade especial voltada para doenças endocrinológicas na gestante. A ideia é oferecer diagnóstico e tratamento em um único lugar para patologias comuns na gravidez: diabetes gestacional, que se caracteriza pela alteração das taxas de açúcar (glicose) no sangue durante a gravidez; diabetes pré-gestacional, que engloba pacientes que já eram diabéticas antes da gestação; e doenças da tireoide, que abrange hipertireoidismo e hipotireoidismo.

De acordo com o Dr. Erivelto Volpi, cirurgião de cabeça e pescoço da Unidade Integrada de Doenças Endocrinológicas do Hospital e Maternidade Santa Joana, as alterações hormonais típicas da gravidez podem descompensar o funcionamento da tireoide, causando o hipertireoidismo ou o hipotireoidismo, esse último mais comum no período gestacional. Leia mais

, , , , ,

Disfunção da Tireoide pode ser diagnosticada com exames laboratoriais

Muitas vezes, é difícil identificar a disfunção da tireoide, pois ela pode apresentar sintomas variados, desde alterações no peso, passando por insônia, alterações de unha e mudanças no humor. Constipação intestinal, ansiedade e depressão também podem ocorrer.

Quando houver suspeita de uma disfunção da tireoide, o diagnóstico é facilmente realizado através de dosagens laboratoriais.

Fique atento e procure seu médico em caso de dúvida

, ,

Curiosidades sobre a Tireoide – De onde vem o nome

O nome tireoide vem do grego tireos (escudo). Embora seja uma glândula muito pequena, pesando entre 8 e 15 gramas, recebe cerca de 4% de todo o sangue que circula no nosso corpo. Tem uma íntima relação com os nervos que inervam as cordas vocais, pois fica imediatamente abaixo da laringe onde é produzida nossa voz.

Além disso as glândulas paratireoides, que controlam o metabolismo do cálcio no nosso corpo, ficam aderidas a ela. Sua função é produzir os hormônios T3 e T4 que controlam a energia do nosso corpo e são os únicos hormônios que atuam em todas as células do organismo.

 

, , , , , , ,

Punção Aspirativa com Agulha Fina define a malignidade dos nódulos da tireoide

O exame de Punção Aspirativa com Agulha Fina – PAAF  é um exame fundamental para definir a conduta dos nódulos suspeitos no exame de ultrassom. Hoje temos critérios muito bem estabelecidos no ultrassom para definir quais nódulos devem ser puncionados (classificação de TI-RADS).

Quando a punção é realizada, utilizamos a Classificação de Bethesda, que estratifica a chance de malignidade do nódulo (da a porcentagem de malignidade). É fundamental que se realize a PAAF para indicar a cirurgia por suspeita de malignidade.

, , ,

Glândula da Tireoide: a central de energia do seu corpo

A Glândula da Tireoide tem apenas uma função: produzir os hormônios – triiodotironina (T3) e tiroxina (T4) – que regulam os níveis de energia, crescimento e reprodução de cada célula do seu corpo (cérebro, coração, pulmões, fígado, pele, etc). Assim todo seu organismo depende da boa função desta glândula para permanecer saudável e com boa regenero celular!

É interessante lembrar que os hormônios tireoideanos atuam em todas as células do nosso corpo